Professores e representantes de comunidades estão reunidos até quinta-feira (19) para participar 3º Fórum Nacional de Educação Escolar Indígena, na Universidade de Brasília (UnB). O principal objetivo do encontro é debater e estimular a participação da população indígena no processo de concepção, implementação e avaliação das políticas nacional, estaduais e municipais de educação voltadas a esse público.

“Nos últimos anos estamos vivendo uma situação particular que é muito pouco debate com cidadãos e com a comunidade, as decisões são tomadas, praticamente, na esfera política”, aponta o professor da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e especialista em educação indígena, Gersem Baniwa.

Ele considera o debate importante por se tratar de um momento de circulação de informação, que conta com o posicionamento dos indígenas para que eles possam decidir estratégias de como acompanhar e incidir sobre aquilo que os interessam.

Assuntos como Base Nacional Comum Curricular (BNCC), educação infantil e ensino médio indígenas são alguns dos principais focos para o debate ao longo do fórum. Os direitos específicos e diferenciados de atendimento educacional à população indígena são garantido pela Constituição Federal. “Por isso nós sempre nessa luta, anualmente fazendo esse debate, essa discussão e apresentando nossas propostas para o estado brasileiro”, disse a coordenadora do Fórum, Teodora Guarani.

Por: Júlia Buonafina
Fonte: Agência Brasil – EBC

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

FONTE: http://amazonia.org.br/2017/10/forum-debate-participacao-da-populacao-indigena-na-educacao/