Os agentes foram destacados para a região para acompanhar a volta de grupo que havia sido expulso após conflitos violentos na região.

Por Dulci Sachetti, RBS TV

Os 32 agentes da Força Nacional de Segurança (FNS) solicitados pela Fundação Nacional do Índio (Funai) para garantir a segurança na Reserva do Ligeiro, onde conflitos violentos já resultaram na morte de uma pessoa, chegaram a cidade de Passo Fundo, na noite de sexta-feira (10).

Até então, a segurança na reserva era feita por agentes da Polícia Federal. Os agentes da FNS passaram a noite no Batalhão de Operações Especiais da Brigada Militar, e seguiram, durante a manhã deste sábado (11) até Charrua, cidade do Norte do estado onde fica a reserva.

Apesar de um acordo entre as lideranças indígenas mediado pela Funai ter permitido o retorno de mais de 400 índios que havia sido expulsos da reserva após violentos conflitos pelo controle do cacicado, o clima continua tenso na região.

Agentes estão abrigados no mesmo local onde estavam mais de 400 índios expulsos da reserva (Foto: Dulci Sachetti/RBS TV)

FONTE: https://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/forca-nacional-chega-a-reserva-indigena-em-charrua-para-garantir-seguranca-apos-conflitos.ghtml