Após o sucesso da primeira edição, a Mostra Etnomídia Indígena, coordenado pela doutora Naine Terena, ganha continuidade em Mato Grosso. A segunda edição do evento foi selecionada no edital Circuito de Mostras e Festivais da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), por meio da Lei Aldir Blanc.

Com o tema Videomaping e Ativismo, a oficina presencial será realizada de 22 a 26 de fevereiro no Palácio da Instrução em Cuiabá. A socióloga e artista visual Luciana Ramin (SP) ministra a atividade.

Já a segunda capacitação será em formato online e ocorre de 22 a 25 de fevereiro. A oficina 20 mil seguidores? Construindo público nas redes sociais para influencers indígenas será conduzida pela professora Laís Maxakali (SP) com o apoio da liderança indígena Anarrory Yudjá (MT).

Saiba mais em Mostra Etnomídia Indígena ganha segunda edição; oficinas estão com inscrições abertas – CenárioMT (cenariomt.com.br)